18
mar.

Monja Coen Sensei mais uma vez me ensinando a viver.

Ter medo de amar não faz sentido.

O medo é uma sensação que proporciona um estado de alerta demonstrado pelo receio de fazer alguma coisa, geralmente por se sentir ameaçado, tanto fisicamente como psicologicamente.

Porque ter medo de amar alguém?

O conceito mais popular de amor envolve, de modo geral, a formação de um vínculo emocional com alguém, ou com algum objeto que seja capaz de receber este comportamento amoroso e enviar os estímulos sensoriais e psicológicos necessários para a sua manutenção e motivação.

Sim, eu pulei de para-quedas e não tive medo. Algumas pessoas me perguntam até hoje o que o que eu senti na hora, qual foi a minha reação ou se eu achei que pudesse dar algo de errado?! 


A resposta é sempre a mesma, eu não senti medo. Eu simplesmente fui. E foi tão rápido que não tive tempo de processar tudo que vi, só senti, e hoje tenho muitas lembranças boas.

Talvez aí esteja a resposta para as outras questões que me anseiam a vida. E ela sempre esteve presente, quando decidi deixar da igreja para viver a minha verdade, quando decidi trabalhar na minha área, quando decidi me assumir para os meus pais, quando decidi andar de Standup, quando fui viajar para fora do país… e vários outros momentos que ficaram marcados na minha vida. Eu fui la e fiz. 

Eu sempre falo que o que eu desejo de verdade conseguir no tempo certo eu sempre conquisto o que espero. Eu não sabia o que procurava, quando o assunto era sentimentos. Não faz muito tempo, comecei a deixar de ouvir minha mente e começar a seguir meu coração. Esse terreno que eu não deixava ninguém entrar, inclusive eu mesmo. 

Esse terreno quase inabitado por pessoas que não são da minha família ou amigos muito próximos, é ainda escuro mas, hoje nele consigo enxergar que as portas sempre tiveram abertas, e circularam várias pessoas que eu permiti mas, que externamente nunca expressei.

Eu quero assim como fiz com toda minha vida, viver intensamente os momentos e as oportunidades que a vida me da. Somente assim vou poder chegar no fim da vida, espero eu que bemm velhinho, e dizer que pude viver com plenitude tudo que sonhei.

17
mar.

Como você se define? por Lizzie Velasquez 

Uma das frases mais marcante dessa palestra pra mim foi “Você é o motorista da sua vida, pegue a direção dela. Você que vai guiar sua vida para o caminho bom ou ruim.”

Acho que deu para perceber que o sofrimento adquirido na infância não atinge somente os gays. Escolhi esse vídeo, dessa mulher, para mostrar para as pessoas que leêm meu blog que também vivem nesse mundo de aparência externas, que é possivel sim mudar os padrões e as vozes que ainda soam em nossas mentes. 

Ultimamente venho percebendo que o meu dialogo interno é muito nocivo pra mim. Ele muitas vezes joga contra. Parece loucura dizer isso mas, ele é apenas um reprodutor contínuo de frases, falas, olhares e lembranças que vi e vivi a vida inteira. 

Depois de ler o livro Como Manter a Mente Sã, começar a fazer terapia e frequentar a Deeksha, pude me silenciar - Sim, não pensar em nada. Uma tarefa difícil, que ainda não consegui fazer com plenitude, e foi aí que percebi que minha mente fala de mais. Fala muita coisa que eu não estou vendo ou ouvindo no momento que estou vivendo - meio esquizofrênico isso, mas pare para analisar

Quantas vezes minha própria mente me deprecia, não me elogia, não me apoia, me desencoraja, me põe literalmente para baixo, me fazendo desacreditar do possível. Eu admiro muito as pessoas como a Lizzie que com a força interna conseguiu perceber que não importa o que as pessoas a sua volta dizem ao seu respeito, essas palavras que entram dentro dos seus ouvidos não podem te definir.

A minha grande questão desses meus 26 anos, é quem eu sou? Não quem sou como profissional, como amigo, como músico ou mesmo no sexo. Digo quem sou eu para mim mesmo?! Será que estou sendo verdadeiro comigo mesmo e com meus pensamento? Será que já não me boicotei de mais? Será que estou me permitindo? Quem está me amarrando e onde estão minhas amarras?

Para finalizar esse post deixo um mantra, que pode ser uma música ou um poema:

As belezas do universo
Só esperam por você
Confiar no seu destino
Para com ele aprender

Tudo em suas mãos
O céu, o sol e o chão
Você já sabe disso
Mas às vezes diz que não

Todos querem ser felizes
Todos querem pertencer
Mas ainda insistem em plantar
O vício do sofrer

O tempo acabou
Sofrer já é em vão
E todos só esperam
Essa sua decisão

Vem cá se abrir,
Se unir com o ar no ato,
No alto, no lar

Ser feliz e contente
Sem se conter
Se quiser, tente

Ser feliz e contente
Para crescer
É a semente

Ser feliz não quer dizer
Se esquecer da escuridão
É um tipo de certeza
Que nada está em vão

Tudo em seu lugar
Dançando em comunhão
No rumo inevitável
A eterna evolução

Mas quanto antes descobrir
Este poder de escolher
Vai poder facilitar
Que aconteça o florescer

Do potencial,
Do seu coração
Esse é seu dom, é seu direito
Seu dever, sua missão

Vem cá se abrir,
Se unir com o ar no ato,
No alto, no lar

Ser feliz e contente
Sem se conter
Se quiser, tente

Ser feliz e contente
Para crescer
É a semente

Ser feliz e contente
Sem se conter
Se quiser, tente

Ser feliz e contente
Para crescer
É a semente

Sem se conter

Ser feliz e contente
Para crescer

As belezas do universo
Só esperam por você

18
fev.

Ellen Page assume que é gay 

Até alguns minutos atrás eu não fazia idéia de que era a Ellen. Não me lembrava de ter visto filmes com ela mas, me disseram que ela é bem famosa, e só acreditei nisso quando vi várias pessoas comentando o fato dela ter se assumido gay. Pensei - mas tem tanta gente se assumindo hoje em dia, porque ela é tão especial?

Tive que acessar o vídeo acima e ver o que a saída dessa garota do armário representa pra nossa comunidade. Ela de uma forma muito honesta se expos nesse evento com o único propósito. Ajudar outras pessoas e mostrar para elas que não estão sozinhas. 

Acho q é isso, vejam o video e se inspirem.

31
jan.

Tesouro nacional de nossa cultura e conscientização. 

Estou muito impressionado, ontem num grupo gls no facebook recebi uma musica totalmente regional, cantada por senhores e senhoras com mais de 60 anos. Eu fiquei intrigado o porque esses senhores tinham parado nesse grupo.

Comecei a ouvir a música e fiquei muito impressionado, escutem:

Depois que percebi que não se tratava apenas de uma coincidência, fui atrás de mais informações, descobri muito mais músicas, como essa que eu achei fantástica e cantada por um senhor que se parece muito com meu avô. Fiquei pensando muito que meus avós talvez não sejam tão ignorantes assim, se forem informados e com a carga de vivência que eles tem, esses conselhos são sempre mais penetrantes.

Falando de prevenção com uma clareza impressionante:

"Documentário Coquistas de Olinda Contra as DSTs/AIDS. Este material pedagógico e educativo foi um projeto realizado em 2008 na Cidade de Olinda pela Cabra Quente Filmes, sob a direção geral do cineasta Wilson Freire. Os coquistas envolvidos foram: Mestre Galo Preto, Dona Selma do Coco, Dona Célia do Coco, Aurinha do Coco, Arnaldo do Coco, Ana Lúcia do Coco, Zeca do Rolete, Rinaldo Karinbó, Preto, L’Omi L’Odò (produção) etc.

Este mesmo projeto também deu luz a um CD intitulado Coquistas de Olinda na Prevenção das DST/AIDS, que tem 13 faixas compostas pelos coquistas envolvidos.

O Dr. João Veiga fala: As Doenças Sexualmente Transmissíveis, DST/AIDS, são um problema de saúde pública mundial. Nos países em desenvolvimento, como o Brasil, requerem, por parte do poder público, maior atenção e disposição para combatê-las. A Prefeitura Municipal de Olinda, através de sua Secretaria de Saúde, reuniu artistas populares, os novos coquistas, para que fizessem dos seus cantos e vozes, uma arma eficaz nesta guerra contra estes males.
O resultado está aí: Um DVD revelando todo o processo criativo desses artistas, arautos do povo olindense. Que ele sirva de instrumento de educação para as populações vulneráveis a esta pandemia, as DST/AIDS - João Veiga - Secretário de Saúde de Olinda.

Vejam:

      

      

O Brasil e suas riquezas.

15
ago.

Como o “sistema” realmente funciona - parte 3

Esse vídeo mostra o perigo que estamos sofrendo com a ascensão da ignorância e das religiões protestante em nosso país. Olha o que está acontecendo em Uganda. 
Disseram pra mim que isso está longe de acontecer aqui, mas não está, tive uma grande discussão com um rapaz no meu facebook e mais alguns amigos entraram na briga para defender o ponto de vista mais racional. 
O rapaz, evangélico, queria me convencer que minha vida hoje era uma escolha, que eu errei em alguma coisa no passado, que ele n acreditava que eu tinha virado homossexual eu que como sou salvo um dia vou voltar atrás no meu caminho e voltar a ser “homem”. 

Bom como sempre deixo claro, esses tipos de discussões eu gosto muito, pois só através dela que consigo saber como estão a cabeça da galera que está indo a igreja todos os dias. 

Como já sabemos que nosso meio, não é uma comunidade tão unida como pensam. Deixo essa reflexão. Tenham em mente que eles são uma comunidade, e as idéias deles juntas fazem com que tenham força, mesmo que sem razão.

26
jul.

A cura gay!

Primeira parte de um desabafo

Pela primeira vez um canal de tv aberta nacional mostrou de forma prática como nós, homossexuais entendemos essa tal de cura gay.
Quem está defendendo essa posição são fundamentalistas que n acreditam em pluralidade em nenhuma estância. 
Acreditam em “verdades” de uma via só. Não e nunca terão espaços para diálogos. Um debate [ Debate é uma discussão amigável entre duas ou mais pessoas que queiram apenas colocar suas ideias em questão ou discordar das demais, sempre tentando prevalecer a sua própria opinião ou sendo convencido pelas opiniões opostas].

Não é o que vimos aqui nesse vídeo.

Simples e claro. Sou gay, sei que nasci gay, sou a prova viva de que nunca deixei de ser homossexual e mesmo quando não me relacionava com homens, meus desejos sexuais, afetivos e interesses sempre foram por homens. Vivi uma doutrina que não me permitia me aceitar exatamente como sou. Vivi um medo de não ser aceito pela sociedade. Vivi a sensação da rejeição de amigos e parentes pelo simples fato de me interessar pelo mesmo sexo. Vivi e vi nos olhos de muitas pessoas que se dizem cheias do amor de Deus, o que vi em certo momento no vídeo. 

Existem sim um exagero por parte dos fundamentalistas religiosos, e eles transformara o gay no novo “do mal”. Você não precisa ir muito longe, até os anos 90 eles costumavam atacar mais as religiões de raízes africanas - não que isso tenha mudado -  Mas como a sociedade interna dentro do mundo gospel cresceu eles viram que assim como no “mundo”, eles tinham as mesmas dores e alegrias e diversidade que todos. 

evangélicos e umbandistas

Foi assim que o gay chegou no meio deles para ser o centro das atenções. Sim o centro hoje não é Deus, o centro hoje é transformar todos que não “aceitaram Jesus” em cristãos. 

Principios como respeito, amor, tolerância e cumplicidade são entendidos de outra forma dentro da cabeça de pessoas que “vivem pela fé” - Fé cega passada pelo Ditador. 

"Não existe verdade absoluta", já dizia Platão.

Não podemos negar que a sexualidade humana é plural. Não podemos negar também que o trabalho feito por muitas igrejas no resgate de vidas e na valorização da fé das pessoas trazem resultados. Só que usar esse mesmo recurso de libertação como amarras para segurarem seus fiéis é errado.

Segunda parte de um desabafo:

Como o “sistema” realmente funciona.

A fé não tem nada a ver com leis e dogmas religiosos. Lá funciona mais ou menos assim:

Você vai a igreja porque está aflito, desempregado, enfermo ou com muitos problemas p resolver, tem certa dificuldade de organizar sua mente para achar uma solução.

Você entra e aos poucos consegue uma conexão mais profunda com seu eu interior, e começa a ouvir as palavras que são ditas la do pulpito. 

Mas enquanto você se desliga dos problemas, vc organiza-os em sua mente. Em meses o emprego “aparece”, a saúde é restabelecida, os problemas desaparecem.

O que foi isso? A fé em vc mesmo que voltou. Somente isso. 

Só que você ainda está dentro do templo, frequentando e aceitando como condição de pagamento pela graça recebida, tudo que lhe é imposto como verdade. 

O Pastor vira e diz, “ser gay é errado”, “amamos os gay mais repudiamos suas práticas”, “existe um mau por trás de tudo isso, ser gay é triste”. 

Existem dois receptores dessas palavras. 

O Hetero, que não nasceu gay - sim, precisa ficar claro isso - e conseguiu os benefícios pela fé. E o Gay - nascido gay e criado em um lar hetero, com costumes heteros, mas desejos e sentimentos homossexuais - esse também recebeu os benefícios pela fé.

O primeiro vai acatar as leis ditas pelo seu lider e rejeitar qualquer outra opinião que não seja essa. O nosso segundo personagem se sentirá confuso, pois até então o seu desejo nunca foi implico para conseguir uma graça.

O primeiro personagem vai perceber que esse segundo personagem com o tempo não aceita as ordens desse lider, começará a persuadir com palavras de ordem que o faça se sentir cada vez mais errado, e esse é o problema. A pessoa não se sente ruim pelo julgamento de um Ser maior, mas pelos seres menores. 

                     

Homens iluminados de verdade não estão nem aí se você é gay, lésbica, bissexual, negro, branco, amarelo, espírita, ateu, budista… Esses homens vem ao mundo para trazer o amor. A maior lei do mundo é o amor.

9
Maio

E quando um garoto de apenas 12 anos consegue calar a sua boca e te faz prestar atenção em um vídeo sem edições e totalmente sincero.

Me choca ver um garoto de 12 anos tendo muito mais cabeça que muitos adultos atualmente. Consegui sentir a angustia dele na minha pele, do outro lado de uma tela de computador. 

Quer saber de uma coisa. Compartilhem muito isso aqui.

http://www.youtube.com/user/theochen9

24
abr.

Transtorno de personalidade narcisista é um transtorno de personalidade catalogado no Manual Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais.

Quem sofre do transtorno tende a se preocupar obsessivamente com a maneira com que os outros o enxergam, e também com aspectos que possam influir de algum modo na percepção de sua imagem, tais como poder, prestígio, vaidade, e até mesmo martírio.

Conheço muitos que não puderam quando deviam, porque não quiseram quando podiam.

François Rabelais ( escritor francês - 1494-1553)

8
abr.
O Feliciano é uma benção de Deus. Ele é tão nazista, arcaico e egoísta que enfim estamos acordando para a homofobia e o preconceito. É um mal que vem pra bem. É tão absurdo e forte, como se quem não pensa como ele estivesse associado ao demônio, possuído. Aconteceram coisas que doeram na minha alma. E, para ser contra essa aberração, quem antes não queria chocar a bisavó está se assumindo. Graças a isso, a homofobia daqui a pouco vai acabar, como acabou a escravidão.

 Letícia Sabatella 

1
abr.

Vejam e compartilhem esses vídeos! 

"…Houve um tempo que nós precisávamos nos encontrar nos porões da clandestinidade para viver nossa sexualidade, pra viver nosso desejo, esses tempos podem voltar, não deem como favas contadas a liberdade que hoje a gente usufrui, essa liberdade foi conquistada com sangue de pessoas que vieram antes de nós…"

[SSEX BBOX] com Jean Wyllys - part I from SSEX BBOX on Vimeo.

[SSEX BBOX] com Jean Wyllys - part II from SSEX BBOX on Vimeo.

25
dez.

Conheça a minha história 

Tente descobrir desde quando tudo começou:

Posts relacionados:

  1. Antes pt 01pt02pt03 e pt04.
  2. O que aprendemos quando somos crianças (gays).
  3. Intolerância e preconceito dentro e fora de casa
  4. Você já teve vontade de sumir?
  5. Um vazio… Não vou generalizar mais posso garantir que a maioria dos gays, sentem que falta alguma coisa.

Não peça a Deus por respostas:

Muitos argumentos que pode estar vindo na sua mente é causado por ideologias religiosas;

“Orar pedindo a mudança de orientação sexual seria o equivalente a pedir a Deus que mude os olhos de azuis para castanhos”

Posts relacionados:

  1. Aproximação de Deus!
  2. Um pouco do que vem por ai… Direção espiritual e homossexualidade
  3. Filme: Homossexualidade e a Bíblia
  4. Discutindo a Bíblia
  5. Responda essas perguntas
  6. Para aquele que não liga pra religião - talvez se sinta mais confortável.
  7. Pra vc que está procurando resposta…

Depois de se aproximar de sua fé ou de afastar dela e perceber que talvez não dependa ou dependa dela para uma vida mais tranquila com seus questionamentos, faça sua escolha do que absorver dessas instituições. Hoje no Brasil já temos igrejas inclusivas, as que aceitam os lgbts como são:

  1. Igrejas inclusivas
  2. Abrindo a mente das igrejas
  3. Igreja católica no centro de Londres lança missa para gays
  4. O que todo cristão deve saber sobre homossexualidade
  5. UM DOS MELHORES FILMES GLS QUE JÁ ASSISTÍ.

E depois de saber tudo isso, que caminho seguir?

  1. Veja A Família Dinossaudo: Mas, o que a Família Dinossauro tem a ver com vc?
  2. It Gets Better
  3. Casar e a morte NÃO SÃO A CURA, pt01 e pt02
  4. Siga exemplos positivos, pt01 pt02

Quando uma pessoa descobre que tem sentimentos homossexuais e sabe que pode ser repelida, o sentimento que surge é de desgosto. Este, por sua vez, pode se transformar em depressão. Uma parte de seu ser está sendo negada ou julgada.

Primeiro o desgosto é contra si mesmo, por não poder ser diferente, logo é contra o mundo que o interpreta mal e o repele. (•< leia mais >•)

Mas eu só transei uma vez, será que sou gay?

  1. Treze minutos ou perto disso…

Depois de se aceitar, perceber que bíblicamente nada tem condena, você terá que entender que o mundo é muito mais colorido do que imaginávamos, é só olhar a sua volta na rua.

  1. Você pode até não gostar mas, respeite!
  2. Afinal de contas, quem são eles?
  3. Não gosto de meninos” - meninos que gostam de meninos e meninas e gostam de meninas.
  4. Eu Samuca me assumindo para os meus pais.
  5. Depoimento da minha família

Conclusão:

Procure meio de obter algumas respostas, leia muito, procure sempre em qualquer situação entender sobre o que você está passando, ser gay não é errado, errado é não se aceitar como você é. Uma ong me ajudou muito.

  1. Projeto Purpurina - ele salvou minha vida
  2. Cuide-se sempre, use camisinha
  3. O Lado Positivo do Fabricio -  um grande alerta para vida daqui pra frente.

Caraca, chorei pra caralho lendo tudo que tem aqui, estou passando por uma fase péssima em questão de sexualidade enfim, procurei no google algo que pudesse me ajudar, já que minha família não me aceita, e achei esse tumblr maravilhoso! Obrigado por existirem, e indiretamente obrigado pela ajuda. (veja mais)

Você pode encontrar esses e outros posts, acessando o meu blog guardeinoarmario.tumblr.com